Rosa de Ouro

Grupo: Grupo D
Fundação: 17 05 1970
Cores: Azul, Amarelo, e Branco
Presidente: Adílson Landim
Carnavalesco: André Tabuquine
Interprete: Xanddy
Mestre de bateria: Mestre Carlinho
Diretor de carnaval: José Carlos de Souza
Diretor de harmonia: Adilson
Diretor de barracão: Dilson
Mestre sala: Márcio
Porta bandeira: Cris Soares
Rainha de bateria: Gisele Flor
Endereco: Rua Coelho Lisboa 201 – Osvaldo Cruz
Telefone: (21) 78483722
História

Fundado em 1970, o Grêmio Recreativo Bloco de Enredo Rosa de Ouro foi um tradicional bloco de Oswaldo Cruz. Sua quadra fica na esquina das ruas Coelho Lisboa e Cataguazes, esta última é a mesma em que nasceu e morou por boa parte de sua vida o compositor Candeia. Fica, em relação a Portela, no lado oposto da estação de trem. Suas cores são o azul rei, amarelo ouro e branco.

Nas décadas de 70 e 80, o Rosa de Ouro tinha como grande rival o bloco Caprichosos de Bento Ribeiro, das cores verde e rosa, que formavam os dois grandes blocos da região. Chegou ao primeiro grupo dos blocos de enredo, mas, com a falta de apoio a estas agremiações acabou amargando dias muito ruins. Na década de 90, o Caprichosos acabou e o Rosa de Ouro ficou praticamente esquecido. Nos últimos anos, o bloco voltou a se estruturar e voltou a ser uma das grandes forças nos concursos de blocos carnavalescos.

O bloco tem como madrinha a Portela. Quem abençoou o antigo bloco foi o pároco da Igreja Nossa Senhora Medianeira, Padre Daniel. Um de seus presidentes foi Vanderlei, um dos criadores - juntamente com Candeia, Altair Prego, Darci, Valdir 59, Bubu e demais bambas da Portela - da Ala dos Impossíveis, a ala mais antiga da Portela.

Notícias
 
Mais resultados para busca por: Rosa de Ouro
0
SOSAMBA.COM.BR | COPYRIGHT © 2010 TODOS OS DIREITOS RESERVADOS